Browse Month by julho 2019
Saúde e Bem Estar

Dicas importantes de como cuidar do kefir

Os grãos de kefir de leite são um potente fonte alimentar, que podem realmente ser cultivados em casa mesmo se você tiver as condições certas e ter noção e saber como cuidar do kefir é importantíssimo, esse alimento precisa de cuidados específicos. Mas o que acontece se você ja estiver com muito kefir produzido e precisar fazer uma pausa no processo de produção?

kefir cuidados

 

Temperaturas frias retardam muito o processo de cultivo, então a geladeira é um bom lugar para armazenar grãos quando é necessário um intervalo. Se seus grãos são muito ativos e você só quer fazer menos sem colocar seus grãos em espera, você pode encontrar dicas para fazer uma pausa rápida de até 3 semanas.

Pausa no processo de Kefir

Adicione leite kefir grãos para 2-4 xícaras de leite fresco. Mais leite para intervalos mais longos é o melhor, para manter os grãos bem alimentados.

Coloque uma tampa apertada no recipiente e coloque na geladeira. Os grãos de kefir de leite devem ser seguros e saudáveis por até 3 semanas.

Fazendo novamente o Kefir

Quando estiver pronto para fazer kefir de leite novamente, separe os grãos do leite de armazenamento, coloque em leite fresco e cultive como de costume. É importante saber que pode levar algum tempo para os grãos acordarem e voltarem ao trabalho.

O líquido de armazenamento pode ser consumido, desde que tenha um cheiro e sabor bons.

Como cuidar do kefir no processo de lavagem

É muito comum que as pessoas com o intuito de tentar ajudar seus grãos e levam pra debaixo da torneira e vão enxaguá-los em água fria. Isso nunca deve ser feito, em hipótese alguma. Esse fato vai fazer com que os grãos se danifiquem e as bactérias que os protegem e faz também com que eles se multipliquem. O que vai acontecer que é muitos grãos vão acabar morrendo ou vão parar de se reproduzir depois que enxaguar. Alguns grãos de kefir sobreviverão a isso e ficarão bem, mas isso vai prejudicar também seu processo de multiplicação.

O revestimento de leite ao redor dos grãos de kefir os protege e os torna fortes, é dessa forma que devemos pensar e eles precisam deste revestimento para se reproduzir, e se proteger, por causa da combinação de bactérias e leveduras que compõem a composição dos grãos, isso essencial para entender como cuidar do kefir. Quando você os lava na água, toda essa proteção vai embora isso tudo vai ser prejudicado. Veja esse vídeo abaixo sobre os poderes desse alimento super poderoso.

Se você precisar mudar de leite, lave-os no leite que você está mudando também. Você realmente não precisa enxaguá-los, mas se quiser enxaguá-los, sempre lave-os com leite fresco. Você também pode dar a eles um prebiótico, que os alimenta e os torna mais fortes, além de tornar seu kefir mais cremoso, especialmente se estiver separando muito.

É bem importante saber como cuidar do kefir e dizer isso tudo porque as pessoas simplesmente não percebem que isso pode machucar os  grãos. Devemos ser superprotetores desses microorganismos. E devemos  tentar garantir que esses pequenos grãos de kefir permaneçam e prosperem. Precisamos deles para nos ajudar a viver e prosperar. Esses pequenos grãos de kefir mudaram a vida de muitas pessoas e então devemos cuidar da melhor forma.

Economia

5 coisas que você deve saber sobre a pintura hidrográfica

Conhece a pintura hidrográfica e tudo o que pode fazer com ela? Veja a seguir tudo o que precisa saber sobre esta famosa técnica de customização e seja um verdadeiro artista!

Se você trabalha ou está apenas curioso para entender, e conhecer, como funciona a pintura hidrográfica. Conheça 5 coisas que você deve saber sobre esta incrível arte.

1 – A técnica possui vários nomes, podendo ser chamada também de:

  • Hydro dipping;
  • Water Transfer Pinting;
  • WTP (abreviatura de Water Transfer Pinting) e;
  • A famosa pintura hidrográfica!

2 – Se você não sabe o que é a pintura hidrográfica, não se preocupe, vamos lhe explicar:

Ela é um tipo de pintura ou impressão em que se mergulha um objeto que se deseja personalizar na agua com a tinta. Depois desta imersão, a tinta se fixará no objeto e, por fim, deverá receber uma camada de verniz para finalizar a peça.

3 – Especialistas dizem que você não precisa ter um conhecimento prévio sobre a técnica.

Basta fazer um curso específico para aprender, desenvolver e dominar o procedimento correto. Portanto, basta encontrar o ideal para você e começar a aprender tudo sobre a arte de customizar que vem encantando o mundo, um que tem sido muito bem falado e que provavelmente você vai gostar é o Curso de Pintura Hidrográfica WTP Brazil, vale a pena dar uma olhada!

4 – Você sabia que pode fazer o método de Water Transfer Pinting em qualquer tipo de material que possa ser mergulhado na água?

Isso mesmo, como a técnica exige que o objeto a ser customizado seja imergido em um tanque de água com a película de pintura, somente materiais que não se deteriorem ao serem molhados podem ser utilizados.

5 – Qual a grande diferença em peças trabalhadas com a pintura hidrográfica?

As peças feitas com a técnica de Water Transfer são únicas, feitas individualmente e, devido a isso, são bastante valorizadas no mundo do design.

Agora que você já conhece as 5 coisas que deve saber sobre a pintura hidrográfica que tal estudar mais sobre o como o procedimento é feito e personalizar peças? Não perca tempo e aprenda agora mesmo como customizar os mais diversos objetos com a técnica de Water Transfer Printing!